segunda-feira, 25 de julho de 2011

Têm início as obras de Usina de reciclagem de Resíduos da Construção Civil do Pró-Sinos

Créditos para Juliano Palinha, da Redação do jornal VS (Grupo Editorial Sinos)

São Leopoldo - A manhã de sábado marcou o início das obras na Usina de Reciclagem de Resíduos da Construção Civil. O presidente do Consórcio Público de Saneamento Básico da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (Pró-Sinos), prefeito Ary Vanazzi, e prefeitos da região, entre outras autoridades, participaram da cerimônia.Oprojeto da usina é resultado de uma parceria entre o Pró-Sinos, Prefeitura de São Leopoldo, Fundação Banco do Brasil e BNDES. A usina está sendo construída no bairro Arroio da Manteiga próximo do Aterro Sanitário.

CAPACIDADE E ESCOLA

A capacidade de reciclagem da usina, que irá ocupar uma área de três hectares, é de cerca de 600 toneladas por dia.Conforme dados do Pró-Sinos, a estimativa é de que sejam recicladas aproximadamente 140 mil toneladas de resíduos por ano. A usina vai gerar inicialmente os seguintes reciclados: areia, brita zero, brita um e rachão.A unidade contará com uma escola da construção civil para capacitação da mão de obra e geração de trabalho e renda voltada à população de baixa renda, consolidando- se como centro de referência em tecnologias sociais. -

Projeto vai beneficiar 24 cidades

A Usina de Reciclagem de Resíduos da Construção Civil é inédita na região e beneficiará os 24 municípios consorciados ao Pró-Sinos. Com a estrutura, os resíduos da construção civil serão aproveitados para gerar matéria prima, auxiliando a reduzir a extração de recursos naturais e evitar o descarte inadequado dos resíduos em áreas de mananciais e de preservação ambiental. A usina também trará benefícios financeiros como a geração de emprego e renda e economia na compra de materiais. Conforme o Pró-Sinos, o investimento é de R$ 1,5 milhão (recursos do FBB/BNDES/Pró-Sinos/ Prefeitura de São Leopoldo), sendo R$ 1.392.205,40 aporte financeiro da FBB em parceria com o BNDES.

Nenhum comentário: